Atualizado 17/08/2017

Daniel Sarafian revela "medo da fama" após TUF Brasil: "Não era eu mesmo"

Lutador diz que Vitor Belfort ajudou a manter a calma dentro da casa, mas que sentiu pressão das expectativas. Hoje, comemora distância dos "haters" após saída do UFC

Um dos participantes que despertou mais atenção no TUF Brasil 1, Daniel Sarafian não teve a oportunidade de disputar o título do reality show por causa de uma lesão que o tirou da final dos pesos-médios contra Cezar Mutante. Sua finalização sobre Reneé Forte nas quartas de final e seu nocaute contra Serginho Moraes na semifinal o tornaram favorito dos torcedores ao título, e o longo período de recuperação da lesão no bíceps apenas aumentou a expectativa em cima dele. Quando enfim estreou, contra CB Dollaway no UFC São Paulo de janeiro de 2013, Sarafian já era um astro nos olhos dos fãs, que viam nele o futuro campeão do Ultimate.

Companheiro de treinos de Demian Maia e já tendo feito camps com nomes como Junior Cigano e Anderson Silva, o lutador paulista sabia que não podia se deixar levar pelo imenso assédio de fãs e imprensa. Ele tornou esta sua principal preocupação depois de deixar a casa. Entretanto, não contava que gastaria tanta energia evitando se encantar com a fama que isso acabaria dando a volta e se transformando numa pressão que o prejudicaria.

© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções