Atualizado 16/04/2018

Embalado pelo título Catarinense, Figueirense enfrenta o Juventude

De título do Catarinense, a galeria de troféus do Figueirense está cheia. Afinal, o clube se afirmou um pouco mais como o maior campeão de Santa Catarina no último domingo, ao vencer a Chapecoense na decisão. A 18ª conquista, agora, vai servir de combustível para uma taça que faz falta na prateleira alvinegra. Nesta sexta-feira o Figueira começa a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. O duelo das 21h30min contra o Juventude, no Orlando Scarpelli, é o primeiro passou para tentar a conquista, embora o retorno à elite do futebol nacional também contente.

 

Vencer o Estadual eleva a confiança do plantel do Figueira para a caminhada que vai até o dia 24 de novembro. O clube deu importância ao campeonato local, mas o técnico Milton Cruz deixou claro no decorrer dele que a meta maior da temporada é estar na Série A do Brasileirão o quanto antes. Aproveitou bem a disputa e entra na Segundona com um time titular definido e com opções em praticamente todos os setores.

 

Ainda, o clube foi ao mercado para reforços pontuais. Foram apenas duas contratações, o volante Matheus Salles (América-MG) e o meia Daniel Costa (Tubarão), e ainda há o retorno do atacante Índio, que defendeu o próprio Tubarão no semestre passado e no último Catarinense. Cria da base do clube, o jogador de 20 anos retorna mais maduro pelos 16 jogos e três gols assinalados desde o começo do ano. Os três, no entanto, são opções para o decorrer da partida.

 

— O grupo foi montado para a Série B. Terminar um campeonato, mesmo se a gente não vencesse, o grupo iria permanecer. Falei ao pessoal que poderiam chegar algumas peças e outras podem sair para pegar experiência. Não tem nada definido ainda. O grupo se dá bem, se conhece e sabe o que eu quero que faça em campo. Foi em cima disso a montagem. Queria pedir o apoio do nosso torcedor, que venha e nos apoie. Pode ser que não joguemos bem, mas vontade, determinação e garra jamais vão faltar — disse o treinador alvinegro, na véspera da partida.

 

Mesmo com a semana de treinamento para a estreia na Série B e os reforços, Milton Cruz indicou que pretende começar a partida desta sexta-feira com a formação que iniciou a vitória na decisão do Estadual. Mesmo com Felipe Amorim, João Paulo e Maikon Leite recuperados de lesão, o treinador privilegia o time que arrancou para levantar a taça que impulsiona a luta pela que falta no rol alvinegro.

 

FICHA TÉCNICA

FIGUEIRENSE
Denis; Diego Renan, Nogueira, Eduardo e Lazaroni; Zé Antônio, Betinho, Ferrareis, Jorge Henrique e Renan Mota; André Luis. Técnico: Milton Cruz.
JUVENTUDE
Matheus Cavichioli, Felipe Mattioni, Rafael Bonfim, Fred e Pará; Bertotto e Jair; Leandro Lima, Fellipe Mateus e Felipe Lima; Ricardo Jesus. Técnico: Julinho Camargo.

ARBITRAGEM: Paulo Roberto Alves Junior, Luiz Souza Santos Renesto e Daniel Cotrim de Carvalho (trio do PR).
DATA E HORA: 21h30min desta sexta-feira.
LOCAL: Orlando Scarpelli, em Florianópolis.

Fonte: Diário Catarinense
© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções