Atualizado 25/01/2019

Lindoso é apresentado pelo Inter e se empolga com Libertadores: "A pegada é outra"

Volante disputou a competição pelo Botafogo em 2017 e vê Colorado como um dos fortes candidatos ao título na atual temporada

Inter apresentou seu quarto reforço para a temporada na manhã desta quarta-feira, após o treinamento no CT do Parque Gigante. Rodrigo Lindosoassinou com o clube por duas temporadas, em negócio que envolveu a ida de Alex Santana para o Botafogo. Na apresentação, revelou que tinha propostas de outros clubes, mas que optou pelo Inter pela estrutura e pelas competições que o clube vai disputar, principalmente a Libertadores.

 

O volante de 29 anos tem experiência recente na competição. Em 2017, fez boa campanha com o Botafogo, que só parou nas quartas de final para o Grêmio, que acabaria campeão daquela edição. De volta ao principal torneio sul-americano, vê o Inter com um dos candidatos ao título em 2019.

 

– Foi como falei, (optei pelo Inter pelo) projeto, pelas competições que o Inter vai disputar esse ano. Isso me seduziu bastante, a estrutura, torcida, o apoio, jogos importantes, competições importantes. Vai entrar como favorito sempre, acho que a motivação é a mais, extra. Como conversei com alguns funcionários do clube, é ano de Libertadores, a pegada é outra – afirmou.

 

Já integrado aos companheiros, Lindoso participou do primeiro treino no novo clube na manhã desta quarta. Recebeu orientaçãos do técnico Odair Hellmann e reencontrou antigos companheiros de Botafogo, como Neílton e Camilo, além de Rafael Sobis, com quem jogou no Fluminense. Sobre a posição que prefere atuar, disse que atua na primeira como segunda função do meio-campo e que pode dar "um passo à frente" e contribuir com gols.

 

– Vinha jogando de segundo volante, mas hoje com o futebol moderno comecei como primeiro volante. Após mudanças de treinador na equipe anterior, joguei mais à frente. Futebol hoje não cabe ao atleta jogar numa posição só. Chego para ajudar, somar. Tenho feito bastante jogos como primeiro volante e segundo também. Já tive um bate-papo com o professor Odair. Quando ele optar pelas minhas características, pelo o que o Inter vai precisar, vou estar sempre à disposição para ajudar a equipe – completou.

 

 

Trajetória

 

 

O jogador de 29 anos chega ao Beira-Rio para ser mais uma opção no setor de contenção. É visto como alternativa para cumprir as funções de Edenílson e Patrick, já que tem capacidade de marcar e apoiar com a mesma intensidade.

 

Lindoso assinou contrato por duas temporadas. Na negociação, à qual envolveu Alex Santana, que rumou ao Botafogo, cada clube ficou com 50% de cada jogador. Os moldes são semelhantes ao que ocorreu no ano passado quando o Colorado trouxe Zeca e o Santos ficou com Eduardo Sasha.

 

Desde 2015 no Botafogo, Lindoso disputou 163 jogos e marcou 17 gols pelo alvinegro carioca. O jogador foi formado nas categorias de base do Americano-MA e depois defendeu o Madureira por seis temporadas entre os anos de 2010 e 2015. Ainda atuou por Fluminense, Criciúma e Marítimo, de Portugal.

 

Antes de Lindoso, o Inter já tinha anunciado as contratações de Neilton, Guilherme Parede e Rafael Sobis, todos atacantes. Matheus Galdezani, que pertence ao Coritiba, mas atuou pelo Atlético-MG na última temporada, está próximo de ser oficializado.

 

 

Ficha técnica:

 

 

 

  • Nome: Rodrigo Oliveira Lindoso
  • Data de nascimento: 06/06/1989 (29 anos)
  • Local de nascimento: São Luís (MA)
  • Altura: 1,82m
  • Clubes anteriores: Americano-MA (2007), Madureira-RJ (2010), Fluminense (2011), Criciúma (2012), Marítimo-POR (2013), Madureira-RJ (2014) e Botafogo (2015-2018)

Fonte: GLOBOESPORTE.COM
© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções