Atualizado 16/05/2019

O que faz uma receita viralizar na internet

Você pode até não conhecer o nome Alison Roman, mas se é alguém que costuma buscar receitas na internet, provavelmente já se deparou com seu trabalho.

 

Roman, criadora de receitas e escritora, publicou em 2017 seu primeiro livro de culinária Dining In ("Jantar em casa", em tradução livre). Das 125 receitas de seu livro, uma em particular recebeu tanta atenção e se tornou tão onipresente no Instagram que ganhou uma hashtag viral: #TheCookies.

 

No Instagram, #TheCookies tem 4.480 posts (até 23 de abril), a maioria de cozinheiros domésticos compartilhando sua própria versão da receita de biscoito de chocolate que Roman lançou em seu livro. De dezembro de 2017 a janeiro de 2018, era quase impossível não se deparar com postagens de entusiastas experimentando e compartilhando fotos desses cookies.

 

Até que, em novembro de 2018, a coluna de Roman no jornal New York Times produziu outra receita que provocou uma horda de seguidores. Desta vez, um ensopado de grão-de-bico com cúrcuma e leite de coco que rapidamente se tornou conhecido no Instagram como #TheStew.

 

Roman não sabe o que tornou o cozido e os biscoitos tão populares; se soubesse, ela diz, faria isso o tempo todo. "Receitas de grão-de-bico sempre estiveram presentes e sempre estarão. Aquela acabou sendo bem-sucedida, e eu nem tenho certeza do porquê", diz ela.

 

Fácil de usar e cozinhar

 

O que chama a atenção no sucesso de Roman é que as pessoas realmente experimentam suas receitas. São muitos os vídeos que circulam na internet que ensinam como fazer os mais diversos pratos.

 

Mas as receitas nem sempre são fáceis de replicar. Nem todos os "chefs" de redes sociais fazem testes para garantir que as receitas que estão promovendo funcionam quando repetidas várias vezes em cozinhas diferentes.

 

Alison RomanDireito de imagemARQUIVO PESSOAL
Image captionOs 193 mil seguidores do Instagram de Alison Roman ajudaram a impulsionar a fama de suas receitas na internet

 

Aparentemente, os doces e pratos promovidos por Roman são fáceis de fazer e saborosos. "Eu quero que as receitas sejam fáceis de executar, independentemente de onde você mora ou do tamanho da sua cozinha", diz.

 

Impacto das redes sociais

 

As redes sociais são um fator essencial para garantir que uma receita viralize. A abrangência de Roman é ampliada pela sua popularidade no Instagram, onde tem quase 200 mil seguidores.

#TheStewDireito de imagemALISON ROMAN
Image captionA mistura de grão-de-bico, cúrcuma e leite de coco ganha outro nome: #TheStew

 

Para captar os seguidores, é importante garantir interação.

 

Roman frequentemente responde a perguntas sobre as receitas que publicou e compartilha as tentativas de seus seguidores na cozinha, ajudando a transformar o #TheStew e o #TheCookies tanto em uma comunidade como em uma opção de jantar ou lanche da tarde.

 

"Estamos definitivamente vivendo numa era em que a comida está tendo visibilidade, mas ainda acho que a maioria dos criadores de receitas permanece desconhecida fora do espaço da mídia de comida", disse Rebecca Firkser, criadora de receitas e autora de livros sobre culinária baseada em Nova York.

 

"Mas quando um influenciador faz uma receita, outros querem imitá-lo por uma questão de relevância cultural."

 

cozinha com celularDireito de imagemGETTY IMAGES
Image captionAs pessoas podem compartilhar uma receita que veem - mas elas tentarão fazê-la em casa?

 

Para se compartilhar

 

Antes da existência do Twitter, Facebook e Instagram, as receitas se popularizavam pela divulgação nos jornais e pelo boca-a-boca.

 

"As receitas eram 'tendências' mesmo antes da internet", explica a Dra. Kimberly Voss, professora associada da Universidade da Flórida Central e autora do livro The Food Section: Newspaper Women and the Culinary Community ("A seção de gastronomia: mulheres de jornal e comunidade culinária", em tradução livre).

 

"Há um certo tempo o mais importante era se exibir, como mostram muitos dos primeiros pratos de Julia Child (chef americana e apresentadora de TV popular nos anos 1960). Era uma espécie de prestígio para um cozinheiro caseiro fazer algo que exigisse habilidade ou ingredientes sofisticados, o que acho que ainda existe", diz Voss.

 

Parte do que tornava uma receita popular era a sensação de, ao executá-la, poder integrar o seleto clube de pessoas capazes de cozinhar aquele prato.

 

bolo alemãoDireito de imagemDANNY HOOKS / ALAMY STOCK PHOTO
Image captionO 'alemão' neste bolo de chocolate vem de uma marca, não do país

 

Muitas receitas foram impulsionadas por marcas de alimentos, editores e criadores. Por exemplo, o Bolo de Chocolate Alemão é uma receita que não tem nada a ver com a Alemanha. Foi criada por Samuel German (German é alemão em inglês), funcionário da Baker's Chocolate, marca que produzia a barra de chocolate utilizada na receita.

 

A receita foi publicada no Dallas Morning News em junho de 1957 e se tornou tão popular que a Baker's Chocolate a publicou em jornais de todo os EUA, promovendo um aumento importante nas vendas do chocolate.

 

Com o surgimento das redes sociais, documentar seus esforços de cozinhar em casa é uma maneira de reforçar que você está na moda. "Mas se você não consegue tirar uma boa foto, você atingiu seu objetivo? As receitas são uma forma de comunicação, e parte disso é demonstrar conhecimento", diz Voss.

 

O que vem em seguida?

 

Mas em relação ao que se torna viral, pouca coisa mudou. Sim, agora o cozinheiro caseiro tem acesso a muitos ingredientes que não estavam tão amplamente disponíveis nos anos 1950 e 1960. Mas a partir de seus estudos, Voss observa que o padrão do que se torna popular geralmente tem a ver com a influência de grandes empresas de alimentos e da mídia gastronômica.

 

"Depois da Segunda Guerra Mundial, a cada dois anos nos apaixonamos de novo por fazer pão caseiro", diz Voss. Grande parte do que se torna popular é ditado pela atitude da época em relação ao bem-estar e à saúde, ou ao acessório da vez do cozinheiro doméstico.

 

Não há como prever qual será o próximo Bolo de Chocolate Alemão ou o #TheStew, uma vez que os gostos e tendências alimentares mudam.

 

"A única coisa que encontrei que permaneceu popular ao longo do tempo foi o bacon", diz Voss. Criadores de receita, tomem nota.

Fonte: Bbc.com
© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções