Atualizado 13 horas atrás

Sofre de bexiga fraca? Descubra três possíveis razões

Uma em cada três mulheres com mais de 35 anos sofre de algum tipo de doença da bexiga ao longo da vida, revela uma nova pesquisa britânica.

Poderá pensar que a incontinência é algo que só afeta as mulheres mais idosas.

 

Todavia, trata-se afinal de uma condição extremamente comum e que afeta mulheres de todas as idades, por várias razões, aponta uma pesquisa conduzida pela rede de para-farmácias britânicas Boots.

 

Aliás, o facto de cada uma em três mulheres com mais de 35 anos experienciar o problema – torna a condição mais comum do que por exemplo, a febre dos fenos que afeta tantos durante os meses da primavera.

 

Entenda quais são as principais razões para sofrer de bexiga fraca...

 

1. Incontinência provocada pelo stress

Tratava-se do tipo de incontinência mais comum que afeta as mulheres, frequentemente motivada pela gravidez ou menopausa. Estima-se que 60% das mulheres sofram deste problema durante ou após a gravidez.

 

Os especialistas creem que tal acontece devido ao enfraquecimento dos músculos pélvicos, resultando em pequenas fugas de urina quando a bexiga se encontra sob pressão – por exemplo, ao tossir, espirrar, rir ou durante a prática de exercício físico.

 

2. Incontinência de urgência

 

Também conhecida por bexiga hiperativa, este tipo de incontinência é provocada pela contração excessiva dos músculos da bexiga.

 

As fugas de urina são súbitas, intensas e incontroláveis.

 

Esta condição geralmente é intensificada pelo consumo de demasiada cafeína ou de álcool, pelo consumo insuficiente de água ou devido a infeções urinárias.

 

3. Retenção urinária crónica

 

Neste caso a bexiga não esvazia por completo quando expele a urina.

 

Nas mulheres isto pode ser causado pela existência de uma obstrução na bexiga, tal como pedra nos rins.

 

Se sofre desta condição poderá deixar escapar frequentemente pequenas gotas de urina.

 

Poderá também sentir que a sua bexiga nunca esvazia por completo.

 

Não hesite em procurar um médico caso sofra de algum tipo de doença de bexiga.

Fonte: Noticias ao minuto
© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções