Atualizado 14 horas atrás

Um copo de sumo de laranja por dia reduz risco desta doença em 50%

Beber apenas um pequeno copo de sumo de laranja por dia pode reduzir o risco de desenvolver demência em cerca de 50%, revela um novo e extensivo estudo.

Uma equipa de investigadores norte-americanos, seguiu 28 mil homens durante 20 anos e examinou como o seu consumo de fruta e vegetais afetou a sua função cognitiva.

 

Os indivíduos que beberam um pequeno copo de sumo diariamente apresentaram em média uma percentagem 47% menor de virem a sofrer de problemas de memória, seguir instruções ou de se orientarem em áreas que lhes eram familiares.

 

Changzheng Yuan, a líder e autora do estudo, disse que o consumo a longo prazo de vegetais, fruta e de sumo de laranja “pode ser benéfico”.

 

A Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, que levou a cabo a pesquisa, questionou os homens – com uma idade média de 51 anos – a cada quatro anosacerca do seu consumo de frutas e vegetais, revela a publicação britânica MailOnline.

 

O grupo com o maior consumo de vegetais ingeriu cerca de seis porções diárias, uma chávena igualando uma porção.

 

Já o grupo com o menor consumo comeu apenas duas doses diárias.

 

De modo semelhante à fruta, o grupo principal consumiu cerca de três porções por dia, comparativamente ao grupo que menos ingeriu.

 

Seguidamente, os homens foram submetidos a testes de memória e raciocínio quando atingiram os 73 anos.

 

Foi-lhes perguntado se se recordavam ou não de acontecimentos recentes e de itens nas suas listas de compras.

 

O estudo apurou que no geral, 6,6% dos homens que ingeriam mais vegetais desenvolveram funções cognitivas fracas e não foram bem sucedidos nos testes, enquanto que 7,9% dos homens que comia as menores quantidades de apresentavam a menor função cognitiva.

 

Enquanto que o consumo de fruta não pareceu ter uma grande influência nos problemas cognitivos moderados, já beber sumo de laranja teve esse efeito positivo.

 

O estudo, publicado no periódico científico Neurology, revelou que apenas 6,9% dos indivíduos que beberam sumo de laranja começou a ter problemas cognitivos.

 

Comparativamente a 8,4% dos homens que ingeriram aquela bebida menos de uma vez por mês.

 

Yuan disse: “O papel protetivo associado ao consumo regular de sumo de fruta foi sobretudo observado entre os homens mais velhos”.

 

“Tendo em conta que o sumo de fruta apresenta geralmente um alto teor de calorias devido à presença de açúcares concentrados da fruta em si, é melhor consumir não mais do que um pequeno copo por dia”, alertou.

Fonte: Noticias ao minuto
© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções